segunda-feira, 25 de junho de 2007

Noite de autógrafos

Reprodução da capa
Acontece nesta terça-feira (26), no auditório da Associação Comercial, Industrial e Agropastoril de Xinguara (Aciapa), o lançamento do livro "Crônicas Xinguaras - Histórias para rir e chorar", do consultor administrativo e empresarial Renato Gomes Soares. A obra é um conjunto de 30 crônicas escritas por Renato [ou Renatinho, como é chamado carinhosamente pelos amigos] ao longo dos seus 25 anos de vivência na Amazônia. Maranhense de nascimento, Renato viveu na região do Xingu durante muito tempo e, desde o ínicio dos anos 90, está no sul do Pará, a maior parte desse tempo radicado em Xinguara. É uma daquelas poucas pessoas capazes de consquistar nossa amizade já no primeiro contato. No livro, o ilustre escritor xinguarense relata os problemas sociais e morais da atualidade. Medo, racismo, alcoolismo, drogas, violência urbana e no campo, ética, violência doméstica e outros dramas da sociedade moderna são retratados em histórias que são, na maioria, baseados em casos reais. "Crônicas Xinguaras" foi editado com o apoio de empresários de Xinguara, que ajudaram a cobrir os custos editoriais da obra. A noite de autógrafos, nesta terça-feira, será, sem dúvida, muito concorrida, não só pelo enorme número de amigos que Renato possui em toda a região, mas principalmente porque quem o conhece sabe de sua grande capacidade intelectual e de sua habilidade em colocar as idéias no papel. Trabalhamos juntos em projetos editoriais no sul do Pará, como o extinto jornal 'Carajás News', no início dos anos 2000, e recordo-me com alegria dos nossos tempos de convivência na redação. Lamento apenas não poder compartilhar das emoções de Renatinho na noite desta terça-feira na Aciapa, onde meu grande amigo e irmão estará vivendo, creio, um dos momentos mais marcantes dos seus 40 anos de vida. Daqui, vai o meu abraço ao nosso escritor, com os votos sinceros de que "Crônicas Xinguaras" seja apenas o início de uma brilhante carreira literária. Porque tenho certeza, Renatinho ainda tem muitas outras histórias para nos contar. Todas, não tenho dúvidas, com o mesmo potencial de nos fazer rir ou chorar.

3 comentários:

Waldyr Silva disse...

Parabéns pelo blog, meu caro confrade João Carlos.
Abraços:
Waldyr Silva

João Carlos Rodrigues disse...

Obrigado, amigo! Conto com sua preciosa colaboração e experiência.

Valter de Sousa Costa.. disse...

Olá João..
Ainda não tive o Prazer de ler este livro(ainda),mais tive a oportunidade de ler o novo livro do Renatinho,"Historias dos povos da Floresta",uma grande obra literária que só as mão de um grande homem da literátura como o Renato,tem a maestria de escrever..
Tenho o comentário do novo livro em meu blog..

http://explosaoliteraria.blogspot.com/

um fort abraço..